Em uma adaptação ao regulamento de segurança instituído para este ano, a Conmebol determinou as normas necessárias para que as torcidas produzam e exibam mosaicos nas competições sul-americanas.

Em ofício distribuído na última terça, a entidade informou que a imagem não poderá ser formada por bandeiras, cartolinas, banners e similares. De acordo com as novas regras, os mosaicos terão de ser compostos por pedaços de papel e jamais podem ser montados durante os jogos.

Mosaicos com bandeiras – como este do Botafogo – e materiais que não sejam papel estão vetados

A determinação foi assinada por Gustavo Morelli, pelo gerente de segurança Conmebol. No ofício constam imagens de mosaicos feitos pelas torcidas do Flamengo e Bayern de Munique, ambos usados como exemplos positivos e em conformidade com as regras.

 

Comunicado assinado pelo gerente de segurança da Conmebol, Gustavo Morelli, e enviado aos clubes explica que são serão permitidos bandeiras, banners, faixas e similares

Rubro-negros e botafoguenses já fizeram mosaicos com imagens em 3D, e os mesmos estão vetados a partir de agora.

Fonte: UOL