Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Taça Rio

09/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Nova Iguaçu
NOV

X

Escudo Botafogo
BOT

Carioca

02/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

0

Escudo Nova Iguaçu
NOV

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

4

X

0

Escudo Macaé
MAC

De Sidão ao endiabrado Neilton: confira 8 motivos para o Botafogo ter vencido

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

O Botafogo conquistou, no último sábado (1º), a 12ª vitória no Campeonato Brasileiro. O Alvinegro venceu o Corinthians por 2 a 0, gols de Neilton e Diogo Barbosa, pela 28ª rodada, e pulou para a oitava colocação na tabela. O Glorioso foi melhor durante toda a partida, ameaçado somente em pênalti convertido por Marquinhos Gabriel, no segundo tempo, que Sidão acabou defendendo. Com o triunfo, o assunto G-4 volta à tona em General Severiano, mas Jair Ventura prega cautela e ainda mira a pontuação necessária para se manter na Primeira Divisão.

Do paredão chamado Sidão ao endiabrado Neilton: confira abaixo oito motivos para o Botafogo ter conquistado os três pontos em cima do Corinthians.

1º motivo: Sidão foi pouco exigido durante a partida, mas quando o Corinthians ensaiou uma reação, o goleiro apareceu e pegou mais um pênalti. Aos 11 minutos do segundo tempo, Marquinhos Gabriel bateu no canto direito, e o camisa 1 pulou para fazer a defesa.

2º motivo: Eficiência, essa palavra resume muito bem a dupla Joel Carli e Emerson Santos. Os zagueiros mostraram muita raça e disposição e não deixaram o setor ofensivo do Corinthians jogar.

3º motivo: Na parceria de Bruno Silva, Rodrigo Lindoso protegeu bem o setor defensivo e, quando possível, chegou bem ao ataque. Um fator chamou a atenção, Lindoso desarmou oito vezes os adversários. O volante mostrou que está 100% recuperado da lesão muscular, que o deixou longe dos gramados por mais de um mês.

4º motivo: Ele, sempre ele: Camilo. O camisa 10, mais uma vez, deu um show em campo. Embora dessa vez não tenha marcado gol, comandou o meio de campo alvinegro. Com bons passes e disposição, o meia se destacou e saiu de campo exausto.

5º motivo: A dupla Victor Luis e Diogo Barbosa voltou com tudo. Pelo lado esquerdo, os dois protagonizaram bons lances. Não à toa, o segundo foi premiado com um gol ainda no primeiro tempo, depois da bobeada do lateral Fagner. Jogando pelo meio, Diogo Barbosa fez a sua melhor partida com a camisa do Botafogo.

6º motivo: Surpresa na escalação, Vinicius Tanque fez bem o papel de centroavante. Mesmo perdendo duas boas oportunidades de balançar a rede, o jovem atacante deu trabalho ao setor defensivo do Corinthians e, inclusive, deu assistência para o gol de Neilton.

7º motivo: Neilton foi substituído aos 16 minutos do segundo tempo. Os aplausos da torcida serviram como termômetro para o atacante ter noção do seu desempenho em campo. Não só pelo gol marcado – muito bonito por sinal –  mas também pela disposição em campo. Correu de um lado para o outro, infernizou a defesa do Corinthians e levou os alvinegros à loucura com dribles e arrancadas. Mostrou que a renovação de contrato, que vai até dezembro, deve ser tratada como prioridade pela diretoria do Glorioso.

8º motivo: Mesmo com tempo chuvoso, os quase dez mil torcedores fizeram a diferença. Gritando e apoiando durante os 90 minutos, deixaram claro que os jogadores podem contar com a força nas arquibancadas. Ao apito final, os alvinegros fizeram a festa e gritaram: ihhh Libertadores qualquer dia estamos aí.

Notícias relacionadas
Comentários