Nelson Mufarrej é o novo presidente do Botafogo. O candidato da situação não teve muito trabalho para vencer Marcelo Guimarães, único adversário na eleição neste sábado, em General Severiano, e comandará o Alvinegro pelo próximo triênio.

O pleito contou com urnas eletrônicas pela primeira vez na história do clube, o que tornou o processo de apuração muito mais veloz – resultado saiu em 23 minutos.

Atual presidente, Carlos Eduardo seguirá no clube como vice-presidente geral, cargo ocupado por Mufarrej até então. Eles trocarão de cargo em janeiro, quando haverá cerimônia de posse. Foram 1.100 votos. O novo presidente teve 816 votos, enquanto Marcelo somou 269.

“Nossa proposta de campanha é o prosseguimento e a consolidação da reconstrução do Botafogo com os pés no chão, controle orçamentário rígido, responsabilidade fiscal e também com a gestão transparente. Esse é o nosso pilar principal. Vamos fazer para que a gente possa conseguir o título que todos nós queremos”, disse Mufarrej em coletiva.

“Vamos conseguir e vamos em frente com geração de receitas. Vamos trazer receitas. O presidente Carlos Eduardo esteve em Brasília com a sinalização de que vamos ter o contrato com a Caixa Econômica já acertado para o ano que vem. E vamos para outros empreendimentos e outras atividades que vão gerar dinheiro para poder fazer um grande time”, completou o novo presidente.

Como Marcelo Guimarães conseguiu mais de 20% dos votos, terá direito a 14 cadeiras no próximo Conselho Deliberativo.

O pleito decorreu em clima ameno. Por volta das 20h, Mufarrej se desentendeu com um fiscal que compunha a chapa de Marcelo Guimarães. Após alguns minutos, eles retomaram as conversas e tudo se resolveu pacificamente.

Fonte: UOL