Experiência no Engenhão faz Bota virar consultoria pro Maraca

Compartilhe:

Administrador do Engenhão desde 2007, o Botafogo tem servido como consultoria para representantes do Consórcio Maracanã na negociação com os clubes do Rio. Dados de arrecadação, cessão de camarotes e coordenação de custos, entre outros itens, foram compartilhados entre as partes para a formatação dos contratos.

Os acordos com Fluminense e Flamengo já foram, inclusive, anunciados. O próximo é justamente o do Botafogo, que deve acontecer ainda nesta semana. O período do contrato deve ser de dois anos, com uma previsão de até 12 jogos em 2013 e 15 em 2014.

O contrato do Botafogo deve ser nos moldes do feito com o Fluminense, liberando os 43 mil ingressos das arquibancadas atrás dos gols para comercialização pelos clubes. Há uma negociação à parte sobre as questões relacionadas a camarotes e área VIP.

– Com o Botafogo participando dessas negociações, os outros interessados acabaram se beneficiando, já que não possuem essa experiência. Levamos determinadas questões que não estavam sendo discutidas, observando detalhes que não estavam sendo observados, com percentuais para mais ou para menos que fazem toda a diferença na hora de fechar negócio – comentou o presidente do Botafogo, Maurício Assumpção.

O Botafogo perdeu o Engenhão provisoriamente no dia 26 de março, quando o estádio foi interditado pela prefeitura. A previsão é de que ele seja entregue em novembro de 2014 com o problema na cobertura corrigido pelo Consórcio Engenhão, responsável pela reforma.

Por enquanto, o Botafogo vem mandando seus jogos em Volta Redonda. O time chegou a jogar na Arena Pernambuco contra o Fluminense e vai enfrentar o Náutico, no sábado, em São Januário. O primeiro jogo do time como mandante no Maracanã deve ser contra o Vitória, dia 1 de agosto. Antes desse confronto, o time entra em campo como visitante no estádio no dia 28, contra o Flamengo.



Fonte: Globoesporte.com
Comentários