O jogo entre Flamengo e Fortaleza, no dia primeiro de junho, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, não será no Maracanã.

O clube aceitou trocar o mando de campo para que o gramado do estádio seja preservado para a disputa da Copa América.

Como não aceitou ceder o Maracanã para a CBF até pelo menos o clássico com o Fluminense no dia nove de junho, o rubro-negro abriu uma exceção em um jogo de menor importância.

Vale lembrar que no dia quatro de junho o Flamengo enfrenta o Corinthians no estádio pela segunda partida das oitavas de final da Copa do Brasil.

A primeira opção é transferir a partida contra o Fortaleza para o estádio Nilton Santos. Já há conversas com o Botafogo. A ideia é não sair do Rio e evitar deslocamentos maiores.

Depois do Fla-Flu, o Flamengo encara o CSA em Brasília. Havia possibilidade de enfrentar o Fluminense também no Distrito Federal, mas o Tricolor descartou.

Fonte: Extra Online