“Clássico é clássico e vice-versa”, já diria o saudoso ex-centroavante do GrêmioMário Jardel. Pois bem, na tarde deste domingo (2), pela semana 1 do Brasil Futebol Americano (BFA), o Botafogo Reptiles desbancou o atual vice-campeão nacional Flamengo Imperadores pelo placar de 3 a 0, no overtime. O kicker #27 Thiago “T-White” Torres protagonizou o único lance que decidiu o confronto a favor dos Reptiles. O duelo ocorreu no estádio Ronaldo Nazário, no Rio de Janeiro.

O encontro mostrou o poderio das defesas de montar muralhas para impedir os avanços dos ataques. Para os fãs de defesas, o confronto foi um deleite. Os mandantes até que tiveram a chance de tirar o zero do placar nos instantes finais do primeiro tempo, quando Torres teve o arremate de field goal de aproximadamente 33yd bloqueado pelos Imperadores. 0-0.

Na volta do intervalo, a defesa do elenco alvinegro forçou dois turnovers contra os rubro-negros em recuperação de fumbles. Os Reptiles ameaçaram a meta dos visitantes com um segundo field goal de Torres, mas que terminou sem sucesso ao ser chutado para fora.

Durante o último período, foi a vez dos Imperadores tentar inaugurar o score. O kicker flamenguista chutou para fora um field goal de 35yd. O jogo se encaminhava para um 0 a 0, quando dentro do two minute warning, a poucos segundos do fim, Torres teve a sua terceira oportunidade na partida. Um difícil chute de FG de 43yd tirou tinta do poste e não entrou.

No overtime, a defesa dos Reptiles interceptou o ataque dos Imperadores. Com a bola do jogo em mãos, o ataque correu até a linha de 22yd do campo de ataque. Num chute de 40yd, Torres conferiu o último lance da partida num winning kick. Final 3-0.

O resultado coloca o Botafogo Reptiles na liderança do Grupo Leste da Conferência Sudeste com campanha 1-0. O próximo compromisso será no dia 5 de agosto, quando o time viaja a Belo Horizonte encarar o Minas Locomotiva (0-0).

Já o Flamengo Imperadores inicia a temporada na última posição com 0-1. O time volta a campo no dia 22 de julho, quando recebe o rival Rio de Janeiro Patriotas (0-0), no Rio.

Fonte: Futebol Americano Brasil