Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Futebol feminino: técnico do Botafogo vê possível título contra o Fluminense como ‘parte do processo’ e mira Libertadores

6 comentários

Compartilhe

Futebol feminino: técnico do Botafogo vê possível título contra o Fluminense como ‘parte do processo’ e mira Libertadores
Vitor Silva/Botafogo

O Botafogo tem, neste sábado, a chance de conquistar o primeiro título desde a retomada do futebol feminino profissional, em 2019. O Alvinegro mede forças com o Fluminense no Estádio Nilton Santos, às 15h, pela decisão do Campeonato Carioca Feminino.

Um dos principais nomes da reconstrução do Glorioso é Gláucio Carvalho, técnico do Botafogo. O comandante afirmou, em entrevista exclusiva ao LANCE!, que enxerga uma possível conquista sobre o clube das Laranjeiras como a coroação do projeto.

Com certeza seria a coroação de um trabalho que começou em 2019 com o planejamento de pé no chão, priorizava o acesso (à primeira divisão), o futebol feminino inserido dentro do clube com alicerce forte. Isso tudo está acontecendo e estou muito feliz. Lógico que, todos tem uma contribuição, desde o staff, do funcionário mais humilde, ao presidente atual, que tem apoiado muito o futebol feminino – afirmou.

Todavia, um possível troféu não aparece como a meta principal de Gláucio Carvalho. Por mais que o técnico não esconda a felicidade se a conquista acontecer, o treinador afirma que os objetivos finais do Alvinegro em 2020 estão voltados ao Campeonato Brasileiro, que inicia na próxima semana, e mirando até mesmo competições internacionais em temporadas futuras.

– O título faz parte desse processo, nosso objetivo principal do ano é ficar entre os oito do Campeonato Brasileiro, se manter na elite do futebol feminino no país para aí sim, em 2022, com estrutura melhor do que a de agora, competir de igual para igual com os times de São Paulo, buscando título. Aí podemos começar a sonhar em 2022 com uma vaga na Libertadores, disputa de semifinal de Brasileiro… Estamos em um processo de evolução. A coroação vai vir no final do ano, essa final é o processo de um planejamento realizado em 2019, que Graças a Deus está sendo bem executado – completou o técnico.

Fonte: Terra

Comentários