O Botafogo vive a preparação para o duelo contra o Defensa y Justicia, jogo da volta da primeira fase da Copa Sul-Americana, na próxima quarta-feira. Gatito Fernandez, em entrevista antes do Alvinegro treinar no CT do Boca Juniors, em Buenos Aires, elogiou a equipe estrangeira, mas afirmou que o Glorioso possui recursos para garantir a classificação.

– É um time muito intenso, que demonstrou isso não só contra a gente, mas contra times do Campeonato Argentino. Eles sempre criam chances de fazer gols no final do jogo, conseguem virar. Sabemos que temos que ter atenção o jogo inteiro, e competir com um time que é muito intenso. Acho que vai ser muito equilibrado – afirmou.

Como venceu a primeira partida por 1 a 0, com gol de Erik, o Botafogo se classifica para a próxima fase com um empate. O goleiro destacou que sair sem levar gols é importante, mas que o Botafogo não pode focar apenas no campo defensivo, sabendo administrar o jogo, mas confia no resultado positivo.

– A gente nunca quer tomar gol. Se conseguirmos uma vantagem também vai dar tranquilidade para a gente que fica lá atrás. Nesse momento, nós temos que administrar o jogo. Sabemos que será difícil, mas todo jogo é assim, a gente tem um bom time para passar de fase – comentou.

Apesar da importância defensiva, o paraguaio afirmou que o Botafogo não vai abdicar de atacar, mas que não pode entrar em campo se garantindo apenas com a vantagem construída no primeiro jogo.

– Um gol fora de casa dá uma tranquilidade maior para a gente administrar melhor o jogo. Vamos buscar o jogo com inteligência, sabendo que temos um resultado a favor. É jogar com inteligência nos 90 minutos, temos que entrar sem pressa, sem acelerar o jogo, pra gente sair com a classificação – completou.

Fonte: Terra