Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Gerente de marketing do Botafogo explica ação com futebol americano e a NFL

0 comentários

Compartilhe

O Botafogo de Futebol e Regatas vem investindo cada vez mais no futebol americano. Após fechar parceria para a criação do ‘Botafogo Reptiles’, a sede do clube, General Severiano, recebeu neste final de semana o primeiro camp internacional da American Football Without Barriers no país. A organização trouxe 15 atletas da NFL para ensinar crianças e adultos um pouco mais sobre o esporte.

O gerente de marketing do Glorioso, Daniel Gastaldoni, afirmou com exclusividade à Go! Marketing Esportivo que o clube recebeu e aceitou rapidamente o convite para sediar o evento. O principal motivo foi o lado social presente no camp.

“O camp tem um fator beneficente e nós adoramos apoiar causas sociais. Quando percebemos que eles escolheram o Brasil e o Rio, com todos esses astros que se dispõem a vir aqui, nós conversamos com a produção e cedemos o nosso espaço para ter o prazer de receber o evento. Foi tudo muito rápido, mas não tivemos dúvidas em aceitar”.

Daniel afirmou, ainda, que o modelo de gestão da NFL é uma referência no mundo dos negócios. A maneira como o entretenimento é trabalhado deve inspirar o marketing esportivo brasileiro.

“Sabemos da importância que tem a NFL no mundo dos negócios esportivos. É sempre uma referência o modelo como eles trabalham o entretenimento e o serviço ao torcedor. Os estádios estão sempre cheios, com grandes públicos e bilheterias. Apesar de ser um esporte americano está se difundindo pelo mundo inteiro. Acredito que, humildemente, podemos aprender com eles”.

Para o gerente de marketing, a diferença entre o marketing esportivo americano e o brasileiro é enorme. A estrutura das ligas faz com que o sucesso como o da NFL, por exemplo, esteja bastante longe da realidade por aqui.

“O modelo americano é referência para o Brasil. A estrutura das ligas e dos negócios esportivos nos Estados Unidos é diferente e difícil de ser comparada. Como negócio e entretenimento nós temos que aprender muito. As diferenças são enormes, mas eu diria que o modelo comercial e as ligas são as principais divergências. Está bastante longe da nossa realidade.

Todos os jogadores da NFL que estiveram presentes no evento ganharam uma camisa oficial do Botafogo, personalizada.

Comentários