O goleiro Jefferson do Nova Iguaçu viveu na última quinta-feira um dia de herói da torcida do Botafogo. Ele impediu o ataque do Flamengo de sair de campo vitorioso e consequentemente deu o título da Taça Guanabara ao time de General Severiano. Enquanto os alvinegros acompanhavam o fim do jogo do Rubro-negro, Bill disse: “Esse goleiro está agarrando muito. Vamos dar parte do bicho para ele também”.

Promessa é dívida e o goleiro do Nova Iguaçu entrou na brincadeira e cobrou sua parte da quantia. Se vai receber ou não, Jefferson, que tem o mesmo nome do goleiro do Botafogo e da seleção brasileira, não sabe, mas o reconhecimento obtido pelos jogadores do Alvinegro já o deixou bastante feliz.

“Fico feliz de ser lembrado e citado por eles. Não só por fazer parte da premiação, mas por ter elogiado meu trabalho. Ser reconhecido como atleta é grandioso, ainda mais tendo o Jefferson, da seleção, ao lado deles”, disse o goleiro do Nova Iguaçu.

“O dinheiro ainda não chegou. Vou cobrar o Bill agora [risos]. Mas se for da vontade dele, estamos aí. O mais importante foi ser citado por eles. Fiz meu trabalho e mantivemos a chance de nos manter na primeira divisão”, brincou.

Mesmo sem avançar para a próxima fase, o Nova Iguaçu ainda não chegou ao fim da competição estadual. Empatado com o Boavista, as equipes farão dois jogos para ver qual dos dois será rebaixado para a Série B.

“Serão dois jogos de muita importância para o clube. Isso representa muito para nós. Vamos jogar como jogamos contra o Flamengo. É a partida da nossa vida. Uma vez que serão confrontos em campos neutros, será muito equilibrado. Tenho certeza que vamos permanecer”, disse o goleiro, que já pensa no futuro da carreira.

“Esperamos bons convites para dar sequência à carreira. Não somente pela partida contra o Flamengo e pelos elogios que recebei, mas por todo o campeonato que fizemos. Perdemos no Engenhão, mas fiz bom trabalho contra o Botafogo também. São cinco anos no Nova Iguaçu e sempre serei citado como destaque da equipe. Fico feliz pela lembrança dos jogadores do Botafogo, mas temos que seguir na carreira. Se surgir algo, melhor. O momento é pensar no Nova Iguaçu”, finalizou.

Fonte: UOL