Keisuke Honda está apalavrado com o Botafogo, mas a demora para oficializar a contratação gera grande ansiedade na torcida. Mas há uma explicação. O japonês tem sido considerado por pessoas envolvidas na negociação como “muito certinho”.

É que ele exige que tudo o que foi acordado entre as partes esteja no contrato. Até mesmo um carro blindado foi pedido pelo ex-camisa 10 do Milan, que aguarda o documento para ler tudo antes de assinar até o fim de dezembro.

Ele receberá por produtividade e mesmo que atinja todas as metas terá salário dentro da realidade do Glorioso – e abaixo do que recebia Diego Souza, por exemplo.

Fonte: UOL