Invasor da Arena PE leva nova falta no Juizado do Torcedor

Compartilhe:

A chuva não castigou o Recife na noite dessa terça-feira. O transito, facilitado pelo feriado de Nossa Senhora do Carmo, padroeira do Recife, fluiu normalmente. Protestos, também não fizeram parte do cenário da capital pernambucana. Mesmo assim, Douglas Silva Costa, torcedor que invadiu a Arena Pernambuco no clássico entre Botafogo e Fluminense, no dia 7 de julho, faltou pela segunda vez consecutiva o seu compromisso com a Justiça.

Condenado a passar 90 dias comparecendo à sede do Jetep em dias de jogos no Recife, Douglas já tinha levado falta o seu primeiro encontro com a assistente social, Deolinda Brandão, no último sábado, sem apresentar qualquer justificativa. A reincidência motivou o coordenador geral dos juizados no estado, o juiz Ailton de Souza, a prometer um atitude mais enérgica contra o torcedor.

sede Jetep (Foto: Elton de Castro) Sede do Juizado Especial do Torcedor (Jetep) segue à espera do infrator (Foto: Elton de Castro)

– Ele não apresentou justificativa para ter faltado no primeiro dia e repete o erro. Não estamos dispostos a deixar o caso sem punição e, com mais essa falta, vamos apresentar uma denúncia ao Ministério Público e daremos seguimento ao caso por vias comuns.  Vou ficar a par do que houve e tomaremos as medidas cabíveis.

A promessa de severidade por parte do juiz, no entanto, não foi o suficiente para intimidar Douglas. Através das suas redes sociais, ele ironizou a ausência na sede do Jetep.

–  Faltei mais uma audiência… – postou o torcedor, que no último sábado, dia em que faltou pela primeira vez, utilizou a rede social para confirmar presença em uma festa.

Contrariado com a postura do invasor, Ailton de Souza prometeu rigor nas próximas ações do Juizado do Torcedor, para que o caso não sirva de exemplo a quem for punido nos estádios.

– Não podemos aceitar que ele simplesmente falte. Como disse, vamos dar continuidade ao caso e certamente ele será notificado, para que preste esclarecimento. Mas provavelmente sua pena será agravada.



Fonte: Globoesporte.com
Comentários