Em entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira, o técnico Jair Ventura afirmou que manterá sua filosofia de valorizar o momento de cada atleta ao escolher quem será o goleiro titular do Botafogo. Jefferson, ídolo da torcida, se recuperou de lesão, mas Gatito Fernández vive excelente fase. O treinador já garantiu que domingo, contra o Coritiba, o paraguaio atuará. Quanto ao longo prazo, Jair deixou claro:

– A meritocracia vai valer. O Jefferson é um grande jogador, tem uma história linda no Botafogo, mas ele já conversou comigo e quer ser tratado da mesma maneira que todos os outros. É um grande atleta e vai esperar o momento dele. A meritocracia serve para todos – afirmou.

Jair sequer garantiu se Jefferson será relacionado para o jogo de domingo.

– Estamos dando confiança para ele, ele fiou um ano sem jogar. Estamos no tempo dele. Quando ele estiver confortável e falar, “professor, estou à disposição”, nós vemos. Mas ainda não sentamos para falar isso.

O treinador também confirmou que Camilo, que não treinou esta semana e desfalcou o time nos dois últimos jogos, está fora. Ele tem um problema na coluna cervical. Já sobre o também meia Montillo, que voltou a jogar contra o Santos, Jair não quis adiantar nada:

– Não posso cravar se joga ou não porque o Coritiba está de olho. A característica dos nossos jogadores influencia o sistema deles – disse.

O atacante Guilherme também está fora. Rodrigo Lindoso, que não participou dos treinos desta sexta, não tem problemas e foi apenas poupado da atividade.

Fonte: Extra Online