Nos últimos jogos, o torcedor alvinegro se acostumou com a dupla de zaga composta por Carli e Igor Rabello. O argentino – que é o capitão do time – vem sendo dono da posição desde o ano passado. E a revelação alvinegra ganhou espaço entre os titulares na ausência de Emerson Silva. Em seis jogos juntos, a dupla Carli/Rabello sofreu apenas dois gols, passando quatro destas partidas em branco. Até por isso, Carli encheu a bola do seu companheiro de Botafogo.

– O Igor Rabello é um zagueiro muito forte fisicamente e tem muito potencial. Está com muita vontade e muita fome de continuar no time titular – disse Carli.

Sem Airton e Victor Luís e com Lindoso e Camilo sendo dúvidas, Jair Ventura tem problemas para escalar o Botafogo para o jogo diante do Santos, quarta-feira, no Pacaembu, pelo Brasileirão. E Carli admitiu que a sequência – junto com os gramados irregulares enfrentados – tem prejudicado o Glorioso.

– O grupo está sentindo muito. O jogo no Recife (contra o Sport) foi com um campo ruim, pesado, muita água Com o Flamengo também (Volta Redonda), o campo pesado, ruim. Não é bom para jogar – completou o zagueiro argentino.

Fonte: Terra