O Botafogo terminou a última temporada tendo o ataque como um dos principais problemas da equipe. O ano de 2019 se iniciou e nenhum reforço chegou para o setor. Pelo contrário. Kieza ficou como única opção mesmo sendo bastante cobrado pelos torcedores.

Com a contratação de Diego Souza, o otimismo tomou conta do Botafogo, que pagou a conta pelo péssimo desempenho no Carioca e acabou eliminado, sem se classificar para as semifinais. Do banco de reservas, Kieza viu o time sofrer para fazer gols e foi escolhido pelo técnico Zé Ricardo para tentar mudar o rumo da partida contra o Juventude.

Torcedores do Botafogo reprovaram a decisão do treinador antes mesmo de Kieza entrar em campo. Vaiaram e sinalizaram que o jogador deveria seguir no banco de reservas. De nada adiantou. Quis o destino que o centroavante tivesse em seus pés a última boa chance do Alvinegro em campo.

Luiz Fernando tabelou com Diego Souza e rolou para Kieza, livre de marcação e sem goleiro, chutar para fora. O lance foi tão inacreditável que os companheiros tiveram compaixão e foram na direção do centroavante para passar força e dar moral.

‘Ainda não falei com o Kieza. Nesse momento o quanto menos falar, melhor. Treinou muito bem. Teve duas chances. Uma o goleiro pegou e na outra ele pegou errado na bola. Se tivesse feito os dois gols, falaríamos dele como jogador da partida. Essa fase acontece muito com jogadores que são cobrados pela definição. Infelizmente é o momento de refletir, não adianta querer achar culpados, estamos todos juntos”, analisou Zé Ricardo.

O que deveria ter sido um recomeço para Kieza, já que essa era a primeira vez que ele entrou em campo após a contratação de Diego Souza, virou um “vale a pena ver de novo” do pior pesadelo do centroavante. A pressão, que deveria ter diminuído, aumentou ainda mais.

O momento é de proteção. Isso ficou claro após o apito final do empate com o Juventude. Os repórteres queriam a palavra de Kieza, que foi orientado a deixar o campo sem conceder entrevistas. Cercado pela maioria dos companheiros, o centroavante teve que encarar a ira da torcida na descida para o vestiário.

“Estamos juntos e vamos ganhar por ele o próximo jogo”, disse Diego Souza. A frase passa bem o sentimento do grupo em relação a Kieza. O gol fez falta nos primeiros 90 min e poderá ser decisivo para a classificação da equipe.

Com o empate, o Botafogo não poderá perder no jogo de volta na próxima quinta-feira em Caxias de Sul (RS), no Alfredo Jaconi. Em caso de empate, a vaga será definida nos pênaltis. Quem vencer fica com a classificação.

A reação da internet com o gol perdido por Kieza

Fonte: UOL