Comentaristas destacam estratégia de Autuori na vitória do Botafogo sobre o Atlético-MG: ‘Tomei um susto na escalação’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Ledio Carmona, do SporTV, analisa Botafogo 2x1 Atlético-MG
Reprodução/SporTV

Bruno Nazário e Caio Alexandre no banco, Honda poupado e quatro atacantes. A escalação do técnico Paulo Autuori para o jogo desta quarta-feira contra o Atlético-MG gerou surpresa e muito debate nas redes sociais. Mas a decisão se mostrou acertada, e o Botafogo venceu por 2 a 1 no Estádio Nilton Santos, conquistando sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro.

Após o jogo, que foi transmitido pela TV Globo e pelo SporTV, os comentaristas do canal destacaram a estratégia de Autuori. Apesar de ter sofrido três bolas na trave e ter permitido 30 finalizações, o Botafogo teve chances de fazer um placar até mais folgado.

– Confesso que tomei um susto na escalação. Quando vi nem Caio nem Nazário no time me espantei, pensei que o Botafogo iria tentar competir, dar a bola para o Atlético, o que seria normal, mas que iria ficar entrincheirado. Deu certo. O meio marcou muito bem e a puxada do contra-ataque estava muito bem resolvida com as velocidades do Luiz Fernando e do Luis Henrique – destacou Ledio Carmona, completando:

– Não lembro de ter feito um jogo com um time terminando com 30 finalizações. Só de escanteio o Atlético teve 16, é muita coisa. Mas errou muito passe, muita tomada de decisão errada. Individualmente o Atlético jogou mal.

O comentarista Raphael Rezende foi mais detalhista na análise do que Paulo Autuori propôs.

– Autuori foi feliz em algumas das escolhas para tentar igualar em competitividade à equipe do Atlético-MG, que tem um ritmo muito forte. Deixou os dois jogadores de força e velocidade pelos lados, que são Luiz Fernando e Luis Henrique, tentou fixar a dupla de defesa com dois jogadores de frente, e aí que pode ser discutido usar os dois ao mesmo tempo (Pedro Raul e Matheus Babi), e um meio mais vivo. com Guilherme aparecendo no setor com o Luiz Otávio. O Botafogo conseguiu ser competitivo, por mais que o Atlético tenha feito um jogo para não perder e sofrido um tanto quanto nas transições – opinou.

Fonte: Redação FogãoNET e SporTV

Notícias relacionadas