Titular na partida contra o Paraná, no último domingo, em duelo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, Luiz Fernando também lamentou o frustrante empate, com gol sofrido no último lance no Estádio Durival Britto, e destacou o peso em cima dos atacantes da equipe carioca.

Nesta segunda, após participar de treino regenerativo, o camisa 11 também comentou sobre um lance em específico, que poderia ter mudado a história do confronto, quando ele perdeu boa oportunidade após cruzamento de Aguirre.
Além disso, já focado na Sul-Americana, vibrou com o fato de o Nilton Santos prometer um ótimo público para quinta-feira, diante do Nacional-PAR.

– A bola quicou antes, foi difícil, mas eu sei que atacante não pode perder um gol como aquele. Jogar com o Paraná fora é difícil, é ruim tomar aquele gol no fim, mas agora temos que virar a chave – disse, completando:

– Todo o grupo está pensando positivo. Sabemos que a torcida irá apoiar a gente, o Nilton Santos vai estar lotado. A atmosfera será outra e cativará o nosso time – comentou Luiz, que foi quem sofreu o pênalti contra o Paraná, em cobrança convertida por Rodrigo Lindoso.

Luiz Fernando, por fim, disse que, em uma provável catimba por parte dos paraguaios, o grupo alvinegro irá se portar bem, pois tem jogadores experientes para lidar com essa adversidade. O duelo está agendado para as 19h30 (de Brasília) desta quinta. O time de Zé Ricardo avança no caso de uma vitória simples e sem gol sofrido, uma vez que perdeu fora, mas por 2 a 1.

Fonte: Terra