Apesar dos apenas quatro pontos conquistados em 15 possíveis, o técnico Vagner Mancini mantém a confiança no Botafogo. Em entrevista ao “Lance!”, ele revelou uma perspectiva otimista para o Campeonato Brasileiro.

– O que me fez aceitar foi o elenco que teria nas mãos. E pela força da camisa, a tradição. Dirigir um clube que teve Jairzinho, Gérson, Garrincha, Nilton Santos, é motivo de orgulho. Admito que a situação financeira me fez pensar muito, mas acabei decidindo acertar. Onde pode chegar? É no topo. Olho o Botafogo brigando lá em cima. Não tem como pensar diferente. Hoje atravessa um momento difícil, mas outros clubes já deram demonstração de superação. Não queria viver este momento aqui, com três derrotas em cinco jogos, mas talvez seja o início que precisávamos para dar mais à frente aquela arrancada – contou.

Fonte: Redação FogãoNET