Conhecido por suas paródias e imitações, o humorista Marcelo Adnet, de 38 anos, mostrou uma nova faceta nos últimos meses: entrou para o mundo do Carnaval ao se aventurar nas disputas de sambas-enredo. Após vencer com composição na São Clemente, ele também quis homenagear Beth Carvalho e o seu clube do coração em forma de canção. Aceitou convite dos novos amigos compositores e levou a melhor no concurso da Botafogo Samba Clube.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo | Cupom de 10% de desconto

A escola de samba, oriunda da torcida alvinegra, é novata e estreou no ano passado. Em 2020, vai desfilar pelo Grupo Especial da Intendente Magalhães, em Campinho, com o enredo ‘Injusto seria não falar de você, Beth Carvalho. Esse é o Botafogo que eu gosto’.

“Para mim, é uma reinvenção. Na disputa da São Clemente, fui conhecendo muita gente talentosa, rola um clima de confraternização. Sou botafoguense e fã de Beth Carvalho”, disse ele, que tirou até carteirinha de compositor. “Por mais que eu esteja chegando, me sinto à vontade. O samba é uma festa democrática, onde todos têm espaço”, elogiou.

A composição, que tem como um dos versos “Oh Beth, que cantou até o fim. Mas o que é o fim? Se tua voz pra sempre vive em mim”, saiu de encontros no bar e na casa de Adnet. A obra final foi adaptada pela direção da agremiação, com a parceria de Dudu Azevedo.

“Esse é o verso que mais gosto. A morte dela (em abril de 2019) foi uma perda. Para a música, para o Botafogo, para todos nós. Mas a sua voz canta com a gente, Beth vive”, destacou Adnet.

Esse é o Botafogo que eu gosto

Uma recordação de Adnet em relação à sambista data de 1989, quando Beth (foto) compôs ‘Esse é o Botafogo que eu gosto’, um hino alvinegro.

“Foi a redenção do Botafogo, quando vencemos o Campeonato Carioca. Eu tinha 7 anos e fui para a sede celebrar com a minha família, que é toda botafoguense. A trilha sonora era Beth Carvalho, foi marcante”, contou ele. “Ela tinha uma potência de ser admirada em diferentes lugares, como nos estádios de futebol”, completou.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo | Cupom de 10% de desconto

A expectativa do humorista é passar pela Sapucaí, na segunda-feira de Carnaval, como compositor da São Clemente. No enredo ‘O conto do vigário’, Adnet se fantasiará do presidente Jair Bolsonaro. “Não imaginaria me envolver tanto com o Carnaval”, afirmou.

Como o desfile clementiano acontece na mesma data que a Botafogo se apresentará pela Intendente, Adnet vai torcer de longe pela escola. “Nem esperava ganhar, mas acho que merecemos”, concluiu o ator.

Escola homenageia Beth Carvalho

O carnavalesco Davi Gbanna, 34 anos, adiantou que a Botafogo Samba Clube contará a história de Beth Carvalho por meio de sua musicalidade. “Passaremos pelas músicas que dão sentido a cada fase da vida dela, como os locais que ela frequentou, incluindo a Mangueira e o Cacique de Ramos”, explicou. “A Beth ainda será muito homenageada e a Botafogo tem que fazer a parte dela”.

E o desejo da agremiação é subir para a Série A e desfilar no Sambódromo no próximo ano. Para isso, precisa conquistar o primeiro ou segundo lugar na disputa da Intendente. “As chances são máximas. A escola está se empenhando, é um enredo feliz, com a essência feminina e sensível da Beth. O povo vai se identificar”, ressaltou Davi.

Fonte: Meia Hora