A 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, disputada na terça-feira à noite, foi favorável ao Botafogo. Isso porque mesmo empatando sem gols com o Ceará, o alvinegro segue na liderança, agora com 24 pontos. Seus concorrentes diretos neste quesito, Paysandu e Náutico, tropeçaram. A equipe paraense perdeu de 2 a 0 para o Bahia, mas segue em segundo lugar com 22 pontos. Já o time pernambucano chegou aos 21 e tirou o Náutico do G4 por conta da derrota de 2 a 1 dos pernambucanos para o lanterna Mogi Mirim, que venceu a primeira na competição embalado pela estreia do pentacampeão Rivaldo, presidente do clube que voltou a jogar.

O G4, a zona de acesso para a elite do futebol nacional, tem ainda o América-MG, que ficou no empate por 1 a 1 com o Macaé no Rio de Janeiro. A disputa pela área nobre da tabela cresceu com o triunfo de 3 a 1 do Sampaio Corrêa sobre o Luverdense. Os maranhenses somam os mesmos 18 pontos do Macaé e têm dois pontos a menos que o Vitória, que ficou no empate sem gols com o Boa.

Na parte de baixo da tabela de classificação aparece o Boa, Atlético-GO, Ceará e Mogi Mirim, todos compondo a zona de rebaixamento.

Em termos de números, Botafogo e Macaé, com 21 gols marcados, são os melhores ataques, enquanto que os botafoguenses, com apenas sete gols sofridos, são os donos da melhor defesa. Com apenas seis gols marcados, o Atlético-GO tem o pior ataque. Já a defesa menos eficiente é a do Mogi Mirim, vazada 21 vezes.

A corrida pela artilharia segue equilibrada com cinco nomes na liderança, todos com sete gols: Kayke (ABC), Rodrigo Pimpão (Botafogo), Anselmo (Macaé), Anderson Aquino (Santa Cruz) e Robert (Vitória).

Fonte: Gazeta Esportiva