A novela envolvendo o atacante Rafael Oliveira e o Botafogo ganhou mais um capítulo nesta quinta-feira. Apesar do acerto verbal na última quarta-feira, as partes tiveram de incluir, nesta sexta-feira, uma nova cláusula ao contrato. Uma reunião aconteceu durante a tarde, em General Severiano, para uma nova rodada de negociações. Até o fim da tarde, Rafael não havia assinado contrato, ficando de fora da partida desta sexta, contra o Sampaio Corrêa, no Nílton Santos.

O Botafogo esperava definir a situação do jogador a tempo de regularizá-lo junto a CBF. Durante a tarde, porém, o departamento jurídico do clube recebeu um pedido de mudança no contrato do jogador, feito pelo Santa Rita, de Alagoas, clube dono dos seus direitos. O pedido fez com que a assinatura do contrato emperrasse, sem tempo hábil para sua regularização.

Durante o treino na manhã desta quinta, no Nílton Santos, Rafael chegou a deixar o campo de jogo para conversar com os dirigentes. Minutos depois, o atacante voltou a aparecer no campo de jogo.

A diretoria tenta agora acertar a situação do jogador para a partida da próxima terça-feira, contra o Ceará, às 21h50, no Castelão. Rafael teria de ser regularizado até segunda para estar à disposição de René Simões.

Fonte: Extra Online