Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Pai de Marcinho afirma em depoimento que jogador dirigia carro que atropelou casal, diz delegado

60 comentários

Compartilhe

Marcinho, ex-Botafogo, chega à 42ª DP para prestar depoimento
Reprodução/Globo News

Sergio Lemos de Oliveira, pai do lateral-direito Marcinho, afirmou em depoimento que o filho estava dirigindo o carro que atropelou um casal, provocando a morte do professor Alexandre Silva de Lima no último dia 30, na Zona Oeste. A informação foi passada pelo delegado Allan Luxardo, da 42ª DP, responsável pelo caso, segundo informações da TV Globo.

O pai do ex-lateral do Botafogo confirmou ainda que Marcinho não estava embriagado na hora do acidente, e tampouco o automóvel – um Mini Cooper – estava em alta velocidade. Acompanhado do advogado Gabriel Habib, Sérgio Lemos e Marcinho chegaram à delegacia do Recreio dos Bandeirantes por volta das 11h. Depois do pai, quem presta depoimento é o próprio Marcinho.

Alexandre Silva de Lima e Maria Cristina José Soares atravessavam a Avenida Lúcio Costa, na altura do número 17.170, quando foram atingidos pelo automóvel. O veículo está no nome de uma empresa de materiais hospitalares cujo Sergio Lemos de Oliveira, pai de Marcinho, é um dos sócios.

O carro foi encontrado abandonado na Rua Hermes de Lima, no Recreio dos Bandeirantes, a cerca de 600 metros do local do acidente – o condutor deixou o local sem prestar socorro às vítimas. A polícia realizou uma primeira perícia ali mesmo no local, e o veículo em seguida foi levado pela seguradora para a garagem da casa do pai do jogador.

Fonte: Redação FogãoNET e TV Globo

Comentários