Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Taça Rio

09/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Nova Iguaçu
NOV

X

Escudo Botafogo
BOT

Carioca

02/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

0

Escudo Nova Iguaçu
NOV

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

4

X

0

Escudo Macaé
MAC

Pela primeira vez na história, cinco visitantes vencem a ida das oitavas da Libertadores

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

A Libertadores sempre foi conhecida pelo ambiente intimidador das torcidas nos estádios sul-americanos. Mas desta vez, o fator casa não foi o diferencial nos confrontos de ida das oitavas de final da competição continental. Apenas dois mandantes venceram e conseguiram a vantagem para a volta: Jorge Wilstermann e Barcelona de Guayaquil, curiosamente sobre dois times brasileiros, Atlético-MG e Palmeiras, respectivamente.

Desde 2003 os mandantes não tinham um começo tão ruim de mata-mata. Naquele ano, apenas uma equipe venceu a partida de ida das oitavas de final jogando em seus domínios: o River Plate, que fez 2 a 1 sobre o Corinthians no Monumental de Núñez. Houve outros três empates e quatro vitórias de visitantes (entre elas a clássica vitória do Paysandu sobre o Boca Juniors na Bombonera). No ano anterior, o retrospecto havia sido o mesmo, com apenas o Nacional-URU vencendo o América de Cali na partida de ida das oitavas. Por outro lado, nunca na história da Libertadores cinco visitantes haviam vencido nas partida de ida das oitavas de final.

Grêmio e River confirmam o favoritismo de casa

Os visitantes começaram a se dar bem na terça-feira. Logo na primeira partida das oitavas de final, o Grêmio venceu o Godoy Cruz em Mendoza por 1 a 0, com gol de Ramiro. No mesmo dia, o River Plate venceu o Guaraní no Paraguai por 2 a 0, com gols de Scocco e Larrondo.

Galo e Palmeiras decepcionam fora de casa; Santos vence no Paraná

Na quarta-feira, vieram as duas únicas vitórias de mandantes na semana de Libertadores. O Barcelona venceu o Palmeiras por 1 a 0 em Guayaquil e o Jorge Wilstermann venceu o Galo pelo mesmo placar na altitude de Cochabamba. Para completar, o Santos foi ao Paraná e por 3 a 2 o Atlético-PR, que teve que jogar na Vila Capanema porque a Arena da Baixada está sediando jogos da Liga Mundial de Vôlei.

Lanús empata na altitude e Botafogo e San Lorenzo vencem fora

A quinta-feira voltou a ser ingrata com os mandantes. A conta de visitantes indigestos poderia ter sido maior, caso Bejarano não tivesse marcado no finalzinho o gol que decretou o empate em 1 a 1 entre The Strongest e Lanús na altitude de La Paz. Pelo placar mínimo, San Lorenzo e Botafogo venceram fora de casa Emelec e Nacional-URU respectivamente.

Notícias relacionadas
Comentários