Um dos jogadores mais experientes do elenco, o zagueiro Joel Carli exerce importante papel de liderança dentro e fora de campo. O defensor argentino chamou a responsabilidade e concedeu a primeira entrevista coletiva de 2018 no Estádio Nilton Santos. Em pauta, temas como o novo treinador Felipe Conceição e a forte integração entre base e profissional planejada para a temporada. Consciente do seu papel no elenco, Carli, 31 anos, terá como companheiros de setor os jovens Igor Rabello, Marcelo, Helerson e Kanu.

– É uma responsabilidade boa pra mim. Sempre falo e penso que dentro ou fora de campo preciso tentar que meus companheiros aprendam e se acostumem. Futebol profissional não é como na base. Tentar passar um ensinamento de sempre buscar dar o melhor para o Botafogo. Sempre trabalhar, concentrar e nunca relaxar – disse o zagueiro.

Companheiro de zaga de Igor Rabello na última temporada, Carli vê gande potencial no jovem que, com personalidade, teve destaque em grandes competições.

– É um zagueiro que demonstrou ser um grande jogador, que tem muito para aprender, ainda é muito novo, mas de futuro promissor. Fez um grande e difícil campeonato. Não é fácil para um zagueiro, mostrou alto nível e está com vontade de melhorar ainda mais – comentou o camisa 3.

Carli também não mediu palavras para falar sobre Felipe Conceição, novo treinador da equipe. Ambos trabalharam juntos na temporada passada, quando Felipe era auxiliar técnico.

– O Felipe é um profissional que já vinha trabalhando com a gente. Como cada jogador que sobe da base, ele também merecia sua oportunidade. Vejo um futuro para ele muito bom. Ele merece essa oportunidade. Creio que vai aproveitar bem – finalizou.

Fonte: Site oficial do Botafogo