Durante a disputa entre Botafogo e Ceará neste domingo (8), no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, policiais removeram faixa de uma torcedora que dizia “Botafogo Antifascismo”. O vídeo foi compartilhado pelo youtuber Felipe Neto em suas redes sociais.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo | Cupom de 10% de desconto

“Policiais militares removeram faixa escrito ‘Botafogo ANTIFASCISMO’, informando que não pode haver manifestação política nas faixas. Como alguém ser contra o fascismo pode ser um ato político passível de punição? Apenas no estado do Witzel e Crivella”, escreveu.

Nas redes sociais, o grupo Botafogo Antifascismo se manifestou sobre o ocorrido dizendo que a apreensão de faixa fere a liberdade de expressão. “O Estatuto do Torcedor não prevê isso, na verdade o Estatuto do Torcedor garante a liberdade de expressão, que foi quebrada hoje”, escreveu.

“O fascismo está institucionalmente naturalizado. Crime no Brasil é ser antifascista”, comentou em outra publicação.

Fonte: Revista Fórum