Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Taça Rio

09/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Nova Iguaçu
NOV

X

Escudo Botafogo
BOT

Carioca

02/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

0

Escudo Nova Iguaçu
NOV

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

4

X

0

Escudo Macaé
MAC

Preocupado com jejum no Brasileiro, Jair quer a vitória para fugir da parte de baixo

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

O Botafogo terá o Fluminense pela frente no Campeonato Brasileiro, quarta-feira, às 21h, no Maracanã. Um clássico sempre importante, mas que vale ainda mais pela retomada de vitórias do Glorioso na competição. Responsável pela arrancada alvinegra na temporada anterior, Jair Ventura sabe o quão difícil é o Brasileirão e a importância de somar o maior número de pontos no início da competição.

– Quando falamos de Campeonato Brasileiro, independentemente das equipes, a primeira preocupação é fugir do rebaixamento. Vemos que será equilibrado até o final. Ano passado eu só falava em alcançar os 46 pontos no Brasileiro, vocês da imprensa ficaram até chateados comigo. Mas o pensamento é esse, estamos atentos com essa situação e não queremos brigar na parte debaixo. Temos que tentar ao máximo essa pontuação o mais rápido possível – disse Jair.

E para não fugir do costume, o treinador manteve a escalação em sigilo. Jair explicou que a prática não é feita para atrapalhar o trabalho da imprensa ou privar informação da torcida, mas sim para reduzir as possibilidades do adversário prevalecer taticamente.

– Eles mudaram a situação do sistema um pouco. Passaram a jogar no 4-3-2-1 e marcar com duas linhas de quatro jogadores. Pode ganhar um pouco mais de mobilidade com o Richarlison como 9, ou com o Pedro. Isso muda para nós. A questão de não falar a escalação não é com a imprensa, mas realmente com o adversário. Por isso que sempre tentamos fazer essa surpresa – explicou.

Notícias relacionadas
Comentários