É questão de tempo para Keisuke Honda se tornar o mais novo reforço do Botafogo. Após uma negociação difícil por conta do fuso horário, o clube finalmente conseguiu a aprovação do jogador japonês que chega com contrato até o fim da temporada. O Alvinegro estava otimista quanto ao acordo desde a noite de segunda-feira, mas ainda faltava a confirmação do estafe do atleta.

O clube está redigindo o contrato e, quando estiver pronto, será enviado ao estafe do japonês que vai ler o documento. Se tudo que for acordado estiver no papel, o acordo estará selado. Como Honda gosta de tudo certinho, ainda é cedo cravar o acordo.

Alguns ajustes finais ainda foram feitos nas últimas reuniões, mas nada que tenha fugido muito em relação à oferta inicial apresentada pelo Botafogo na semana passada. Um dos detalhes é que houvesse um diálogo entre o preparador físico do japonês com os profissionais do Alvinegro.

Honda chega para um setor que conta com Bruno Nazário, Gabriel Cortez e Leandrinho. O primeiro, antes com status de titular absoluto, agora terá que ser deslocado para jogar mais pelo lado do campo. Outra possibilidade é o japonês atuar mais recuado.

O japonês é o 12º reforço do Botafogo para a temporada 2020. Além de Honda, o Alvinegro fechou com Rhuan Renato, Guilherme Santos, Barrendeguy, Danilo Barcelos, Warley, Thiaguinho, Luiz Otávio, Bruno Nazario, Gabriel Cortez, Lecaros e Pedro Raul.

A negociação com Honda

Oferecido ao Botafogo, Honda logo virou um dos assuntos mais comentados pela torcida nas redes sociais. A excitação foi tão grande que o clube não pensou duas vezes em abrir negociação com o atleta. O japonês curtiu a ideia de jogar no Alvinegro e passou a tratar das suas prioridades.

O Botafogo ofereceu um contrato de produtividade. Inicialmente o salário será de R$ 150 mil, mas poderá aumentar consideravelmente caso ele atinja determinadas metas com a camisa do clube. O valor, no entanto, ainda seria inferior aos R$ 500 mil que Diego Souza receberia no Alvinegro antes de rescindir e fechar com o Grêmio.

Na noite de segunda, os botafoguenses criaram uma hashtag convidando Honda a vir para o clube. Foi o assunto mais comentado no mundo. O jogador, inclusive, ganhou vários seguidores após abrir negociação com o Alvinegro.

Fonte: UOL