Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Quatro anos após Loco e Herrera, Botafogo volta a apostar em ataque sul-americano

0 comentários

Compartilhe

Nos últimos anos, a contratação de jogadores sul-americanos virou uma constante no Botafogo. Depois dos insucessos dos atacantes Escalada e Zárate, que atuaram no clube em 2007 e 2008, respectivamente, o Glorioso parece ter encontrado o perfil ideal para agradar seu torcedor, além da pontualidade técnica para corresponder dentro de campo.

Fundamentais na conquista do Campeonato Carioca de 2010, Herreira e Loco Abreu chegaram a General Severiano e logo caíram nas graças dos botafoguenses. O argentino, marcado por sua entrega, além dos bons números pelo Alvinegro – Herrera é o segundo maior artilheiro do Engenhão com 36 gols – , encantou torcedores de diferente gerações.

O uruguaio, por sua vez, foi idolatrado no Time da Estrela Soliária. Após cobrar um pênalti com cavadinha, na final do Estadual, contra o Flamengo, El Loco teve sua imagem estampada no ‘Muro dos Ídolos’, em frente à sede oficial do clube. No mais, a personalidade forte e respeito com a camisa marcaram sua passagem pelo time carioca. A dupla deixou o Botafogo em meados de 2012, quando Herrera se transferiu para o futebol árabe, enquanto Abreu foi jogar no Figueirense.

Em 2014, que começa importante para o Glorioso, já que retorna à Copa Libertadores após 17 anos, a diretoria alvinegra aposta novamente no sucesso de um ataque sul-americano. O argentino Ferreyra e o paraguaio Zeballos são as principais apostas para a temporada. Como atuaram juntos no Olimpia, o entrosamento entre ambos surge como esperança por parte dos torcedores.

El Tanque já marcou dois gols neste ano. Um deles abriu o caminho para a vitória sobre o San Lorenzo, na primeira rodada da fase de grupos da competição internacional. Zeballos, recém-chegado, ainda aguarda um documento envolvendo seu visto trabalhista para poder estrear. Como ainda não pode atuar no torneio sul-americano, a tendência é que o paraguaio seja a arma da equipe no Campeonato Carioca.

Vale lembrar que o elenco alvinegro ainda conta com o meia uruguaio Nicolás Lodeiro, identificado com a torcida, além do zagueiro Mario Riso, que possui a mesma nacionalidade. O argentino Mario Bolatti, contratado por empréstimo junto ao Internacional, é mais um estrangeiro a completar essa lista.

Comentários