Assim como aconteceu no fim de 2012, o técnico Oswaldo de Oliveira repetiu a receita do último treinamento do ano. Na manhã deste sábado, depois de trabalhar jogadas de bola parada no campo anexo do Engenhão, ele liberou um rachão, o primeiro do ano no Botafogo, que enfrenta o Criciúma, domingo, no Maracanã, pela rodada final do Campeonato Brasileiro.

Oswaldo atuou na linha defendendo o time branco, que contou com um lençol de Dankler em Lodeiro sensacional. O zagueiro, aliás, foi um dos destaques da brincadeira ao lado de Dória, que se intitulou Leandro Damião. No fim, vitória por 5 a 4. O time amarelo, que contava com Seedorf, precisou pagar uma prenda e dançou “Show das Poderosas”, sucesso de Anitta.

As brincadeiras foram constantes entre todos os jogadores. Oswaldo mostrou categoria com a bola no pé e conseguiu até se livrar da marcação de Seedorf em um lance na lateral de campo. Os goleiros foram o lateral-esquerdo Lima, no time branco, e o atacante Rafael Marques, no amarelo.

Nesse clima de descontração, o Botafogo precisa vencer o Criciúma para ainda pensar na classificação para a Taça Libertadores. Além do seu resultado, torce por um tropeço do Goiás contra o Santos e uma derrota do Atlético-PR para o Vasco.

Caso termine na quarta colocação, o Botafogo ainda precisa secar a Ponte Preta na final da Copa Sul-Americana contra o Lanús, da Argentina. No primeiro jogo, em São Paulo, houve empate em 1 a 1. A volta será quarta-feira, na Argentina.

Fonte: Globoesporte.com