O ano do Santa Cruz não foi fácil. A equipe caiu nas semifinais da Copa do Nordeste e do Campeonato Pernambucano e disputou apenas as oitavas de final da Copa do Brasil. Agora, a queda da Série B para a Série C do Campeonato Brasileiro virou questão de tempo (no fim da rodada, o Santa teve o rebaixamento confirmado). Depois de mais uma derrota, dessa vez para o Boa Esporte neste sábado (11) pela 35ª rodada, o atacante André Luís lamentou a situação e quer o time levantando a cabeça para encerrar a segunda divisão com dignidade.

O jogador ressaltou que a equipe correu e batalhou, mas infelizmente deu bobeira em dois dos gols do adversário, algo que não pode ocorrer em um jogo com tamanha importância. “Definiu o placar para eles. Foi difícil buscar. Tentamos até o fim, mas foi muito tarde para reagir. Quando fizeram 4×1, a gente tentou correr dobrado, um puxando o outro, até discutindo em campo, mas faz parte do nervosismo do jogo. Levantar cabeça, terminar a Série B de cabeça erguida e ano que vem levantar o clube de novo”, disse.

André Luís aproveitou também para parabenizar os colegas de equipe e lembrou também os problemas extra-campo, como os atrasos salariais. “O que a gente sofreu esse ano todo não é fácil. Muitas pessoas não sabem o que se passa lá dentro. Prefiro não entrar em detalhes, para não me prejudicar”, desconversou o jogador tricolor.

Com propostas de outros times, o atacante evita falar no assunto e deixa o tema para resolução para o empresário. “Sou muito grato ao Santa Cruz, porque me abriu as portas ano passado. Devo muito a esse clube. Não vou falar que fiz um ano ruim, tentei manter a média, dar meu máximo. Futebol é isso. Graças a Deus tenho clubes interessados”, pontuou André Luís.

Fonte: JC Online