Bicampeão Mundial Sub-23, Uncas Tales Batista foi a “Estrela em Ascensão” de setembro no site da Federação Mundial de Remo. A matéria, que foi publicada na semana passada, exaltou os feitos do brasileiro como o recorde no Single Skiff e suas provas entre os adultos.

Além do sucesso na categoria, Uncas já mostrou que pode ir mais longe quando se classificou para a decisão do Mundial Sênior em 2017, nos Estados Unido, depois de ter passado pelas seletivas nacionais. O worldrowing.com falou com o atleta sobre as expectativas para o futuro e também abordou suas preferências e curiosidades. Confira alguns trechos:

BICAMPEONATO

– Minha medalha de ouro no último Mundial de Remo foi muito emocionante. Eu não esperava vencer, não estava confiante como no ano passado. Me senti sob muita pressão, e quando cruzei a linha de chegada foi como se tivesse tirado um peso.

INÍCIO

– Comecei no remo porque meus pais disseram que eu precisava fazer alguma coisa para não ficar em casa o tempo todo. Como passava sempre pela sede do Botafogo, acabei me matriculando e comecei a praticar. Foram os meus primeiros contatos com esse esporte.

OLIMPÍADAS

– Meu objetivo a longo prazo é ser campeão olímpico no Peso Leve em 2024 e 2018.

O próximo desafio de Uncas será na 5ªe última Regata do Estadual, no dia 14, data do seu aniversário. O Botafogo é o líder da competição e pode conquistar o tão sonhado hexacampeonato na Lagoa Rodrigo de Freitas.

Fonte: Site oficial do Botafogo