Tentando acabar com a irregularidade neste Brasileirão, o Botafogo recebe a Chapecoense às 20 horas desta segunda-feira, no Engenhão, pela 16ª rodada da competição. Entre altos e baixos desde a abertura do campeonato, o time carioca tenta confirmar o favoritismo para dar início a uma sequência mais positiva na tabela.

Depois de perder para o Corinthians por 2 a 0 na última rodada, em São Paulo, o técnico Eduardo Barroca optou por fazer mistério e não confirmou o time que pretende mandar a campo.

Um desfalque certo é o volante Cícero, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Para essa posição, Barroca pode contar com Alex Santana, que está recuperado de lesão na coxa esquerda. Caso ele não tenha condições de jogo, Rickson deve ser o escolhido para a vaga novamente.

Quem também retorna é o zagueiro Joel Carli, poupado da última partida por conta do desgaste físico. A tendência é que ele retorne para formar dupla de zaga com Gabriel. “Além da questão física, tenho que deixar a competição entre os jogadores mais viva. Temos dois treinos para definir a equipe. Se eu confirmo antes, bloqueio alguns dos pontos de escolha que tenho”, justifica o treinador.

Com 22 pontos, o Botafogo ocupa uma posição intermediária na tabela. E como enfrenta um time da zona de rebaixamento, o time carioca fica na obrigação da vitória, mesmo porque vai atuar em casa e com o apoio de sua torcida. Uma boa chance para confirmar a reabilitação.

Fonte: O Dia Online