Seedorf tenta pôr fim a seu maior jejum de gols pelo Botafogo

Compartilhe:

Seedorf não vive seu melhor momento no Botafogo. Longe das boas atuações, o jogador deu um sopro de esperança nos torcedores após ter desempenho destacado no segundo tempo diante do Flamengo, na última quarta, pela Copa do Brasil. Neste sábado, o camisa 10 está confirmado para enfrentar a Ponte Preta, às 21h, no Maracanã, pela 24ª rodada o Campeonato Brasileiro.

Além de reencontrar o bom futebol, Seedorf terá outra missão pela frente. Encerrar seu pior jejum de gols pelo Botafogo. A última vez em que balançou a rede ocorreu há dez jogos, no dia 15 de agosto, contra o Internacional, no Maracanã. O holandês poderia ter evitado essa seca se não tivesse chutado para fora a cobrança de pênalti diante do Cruzeiro, no Mineirão.

Um dos principais amigos de Seedorf no elenco, Gabriel diz que o holandês tem total confiança do grupo e que o Botafogo está empenhado em fazer o holandês reencontrar definitivamente o bom futebol e, claro, as redes.

“Ele tá bem tranquilo, experiente. Ele acabou sentindo um pouco essa maratona e acabou caindo um pouco, mas isso é normal. Até eu, jovem, senti essa maratona. A gente vem se cobrando bastante, mas não deixando a cobrança atrapalhar. Joga quarta e sábado tem outra batalha. Seedorf está fechado com o grupo e está tranquilo para encarar a Ponte Preta”, disse o volante.

“Queremos sempre ele jogando ao nosso lado, pois é muito importante para nós, independente de jogar mais avançado ou recuado. Jogou pouco atrás para pegar a bola, que não chegava muito para ele. Recuou e ajudou o time. É um jogador que acrescenta muito para nós e isso é importante”, completou Lodeiro.

O jejum de gols é o dobro do período em que Seedorf já havia ficado sem balançar as redes no clube, no Brasileiro do ano passado, entre a 27ª e 31ª rodada da competição. A seca de cinco jogos já havia se repetido no Campeonato Carioca deste ano, mas nunca foi tão grande quanto a atual.

Isso porque desde que chegou ao Botafogo, Seedorf mostrou um lado artilheiro pouco visto durante sua carreira. Tanto que, com 61 jogos pelo time de General Severiano, ele já balançou as redes em 21 oportunidades. Assim, o Alvinegro já entrou para a história como segundo time que mais vezes deixou sua marca, ficando apenas atrás do Milan, com 62.

É no Botafogo, inclusive, que Seedorf tem sua melhor média de gols por partida:0,39. Quem ocupa o segundo lugar na lista é a Inter de Milão-ITA, com 0,15. Em seguida aparecem Milan-ITA (0,13), Real Madri-ESP (0,12), Ajax-HOL (0,12) e, por fim, Sampdoria-ITA (0,11).



Fonte: UOL
Comentários