Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Site diz que Ferreyra ‘superou caneladas na bola’ para conquistar torcida com gols

0 comentários

Compartilhe

Quem assiste aos jogos do Botafogo já deve ter se acostumado a ver Tanque Ferreyra dar caneladas na bola. Mesmo sem muita habilidade, o atacante já conquistou os torcedores, mesmo sem ser unanimidade. E tudo isso só aconteceu porque o argentino tem se mostrado decisivo nos seis jogos em que defendeu o Alvinegro. Já foram três gols, sendo todos eles marcados em momentos importante da partida.

Um dos maiores defensores de Taque Ferreyra é o técnico Eduardo Hungaro. O treinador jamais ficou em cima do muro e diz que o atacante domina completamente as técnicas de sua posição e que, por esse motivo, será muito útil ao time na temporada. Apesar de algumas deficiências, o comandante do Alvinegro, aos poucos, mostra estar certo.

Além dos gols marcados, Tanque Ferreyra agrada Eduardo Hungaro também com seu perfil. Segundo o treinador, o atacante tem a cara da Libertadores e torna o Botafogo mais ‘cascudo’ nesse sentido. E foi justamente isso que se viu na última quarta-feira, quando o Alvinegro saiu atrás do placar e mostrou força para reagir e empatar com o União Española por 1 a 1, no Chile – gol do camisa 9.

“O Botafogo tem jogadores experientes que ficam confortáveis fora de casa. Estou muito satisfeito com o rendimento da equipe, mas não com o resultado. Nem os jogadores estão. Nossa ambição era vencer”, disse Hungaro após a partida.

Enquanto a partida estava 0 a 0, Tanque  Ferreyra perdeu boas oportunidades e sofreu com Sanchez, goleiro da União Española, que teve grande atuação e evitou uma vitória do Botafogo. Mas foi o próprio atacante argentino que mostrou frieza para empatar o duelo, após ver o adversário abrir o placar já no segundo tempo.

“Não me lembro de nenhum lance importante deles fora o gol, justamente quando o Botafogo controlava a partida e criava oportunidades. O gol veio num momento inoportuno. Talvez sem o gol naquele momento teríamos vencido. A recuperação do time mostrou força psicológica da parte do Botafogo”, elogiou o treinador.

Com o empate, o Botafogo vai a quatro pontos e se mantém na liderança do grupo 2. Já o União Española, pula para a 2ª posição, com dois pontos. Nesta quinta-feira, San Lorenzo-ARG x Independente del Valle-EQU se enfrentam e encerra a segunda rodada da fase de grupo da Libertadores.

Comentários