Mais uma vez, coube ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) reverter decisão da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) e do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ). O órgão suspendeu a perda de mando de campo do Botafogo, que seria cumprida no Campeonato Carioca de 2021. A informação é do repórter Thiago Veras, da Rádio Tupi.

Continua Depois da Publicidade

A punição foi dada pela Ferj e confirmada pelo TJD porque o Botafogo se recusou a pagar R$ 25 mil de quadro móvel a funcionários da Ferj na goleada por 6 a 2 sobre a Cabofriense. O clube alvinegro não concordou com a alta taxa. Na mesma rodada, Flamengo e Vasco pagaram R$ 2,5 mil e R$ 2,2 mil respectivamente.

Com a decisão do STJD, o Botafogo poderá mandar seu primeiro jogo no Estadual de 2021 no Estádio Nilton Santos.

Fonte: Redação FogãoNET e Twitter do Thiago Veras (Rádio Tupi)
Continua Depois da Publicidade