Tabus quebrados em 2013 estimulam Bota a derrubar mais um contra o Flamengo

Compartilhe:

O Botafogo tem se especializado em derrubar tabus nesta temporada. Desde a quebra da invencbilidade de um ano do Santos na Vila Belmiro até a conquista da inédita vitória sobre o Flamengo no Engenhão, o time vem demonstrando força para superar desafios intensos, inclusive individuais, como o primeiro gol de Rafael Marques pelo clube, que aconteceu no seu 21º jogo.

Essas quebras de tabus e jejuns levam o Botafogo a acreditar na possibilidade de derrubar mais uma. Em campeonatos brasileiros, são 21 jogos sem vencer o Flamengo. A última vitória aconteceu no dia 7 de outubro de 2000, por 3 a 1, no Maracanã.

– Como falei, um clássico te dá um gás a mais para crescer. Tabus como esse são feitos para serem quebrados. Já quebramos muitos esse ano e o Botafogo tem objetivos traçados desde o início do ano – afirmou o zagueiro Bolívar.

Entre os tabus quebrados no Campeonato Brasileiro estão a vitória sobre a Portuguesa no Canindé, onde o Botafogo não vencia desde 1992 (sete jogos). O time também venceu em Criciúma, feito que não alcançava desde 1988 (três jogos). Contra o Corinthians, quebrou uma série de seis partidas como mandante sem vencer.

Contra o Flamengo, além da primeira vitória no Engenhão, o Botafogo ainda quebrou outra marca: o time vinha em uma série de 10 jogos sem vencer o rival, o que voltou a acontecer na semifinal da Taça Guanabara deste ano (2 a 0).

Julio Cesar comemora gol na partida do Botafogo contra o Flamengo (Foto: Jorge William / Ag. O Globo)
Julio Cesar comemora um dos gols do Botafogo na semifinal da Taça Guanabara: foi a primeira vitória alvinegra sobre o Flamengo em jogos disputados no Engenhão (Foto: Jorge William / Ag. O Globo)

Por isso, o Botafogo se recusa a desistir de seus objetivos. Na Copa do Brasil, o time está nas quartas de final, o que não acontecia desde 2008. No Campeonato Brasileiro, mesmo com a vantagem de 13 pontos do Cruzeiro na liderança, mantém a esperança de brigar pelo título. Faltam 11 rodadas.

– Acho que enquanto houver possibilidade, o Botafogo vai brigar. A gente tem esse objetivo e essa distância não é impossível de recuperar. O Botafogo já provou muita coisa na competição. Vamos ficar ali entre os quatro e desistir apenas quando a possibiidade for zero – avisou Bolívar.

A bola rola para Flamengo x Botafogo às 18h30m deste domingo, no Maracanã.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários