Para vencer a primeira partida fora de casa, no Brasileirão, o Botafogo busca melhorar na defesa. Tendo sido vazado em todos os jogos da competição, a equipe de Alberto Valentim espera ter maior solidez visando o triunfo diante do América-MG, neste domingo, no Independência. O LANCE! transmite o jogo em tempo real.

Nos cinco jogos disputados até o momento, na competição, a equipe alvinegra foi vazada cinco vezes, sendo um gol em cada partida feita. Dentro de casa, o ataque tem conseguido se sobressair. Longe dos domínios, a história acaba diferente: empate em 1 a 1 com o Sport e derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro.

– A gente tem sofrido gol, o que é normal. Brasileiro é muito difícil. Encaramos tanta pedreira no início, veio Sul-Americana, que é mata-mata. Precisamos melhorar tudo, já falei, nas fases ofensivas e defensivas – comentou Valentim.

No último jogo alvinegro, a defesa teve trabalho, com Jefferson sendo o melhor em campo na vitória diante do Fluminense. Com oito pontos no Brasileirão, o Glorioso vê um triunfo em Belo Horizonte como importante para chegar de vez na parte de cima da tabela e ganhar uma “gordura” até a parada da Copa.

– Tivemos um começo bom. A gente está em uma posição boa, perto dos primeiros. Jogamos contra times fortes, mas precisamos melhorar. Precisamos errar menos e acertar mais… o detalhe será muito importante no jogo. Estamos a um ponto do América, depois temos uma semana cheia para encarar o Vitória em casa, outro jogo muito difícil também. Sempre que vemos a tabela, tem um jogo difícil – completou o comandante alvinegro, projetando a sequência.

VALENCIA OU KIEZA? A DÚVIDA DE VALENTIM
A grande dúvida no time titular do Botafogo para este domingo é no setor de frente: Kieza e Leo Valencia disputam uma posição. Enquanto o centroavante foi o titular no clássico, marcando o gol da vitória, o chileno vinha sendo peça importante do esquema adotado pelo técnico alvinegro, voltando a ficar à disposição depois de ser poupado no triunfo diante do Fluminense.

– Leo Valencia está treinando normalmente. E a concorrência é assim. Eu tenho que ser muito transparente com eles. Time grande tem que ter concorrência sadia, de jogadores que estão bem no banco. Estou ganhando reforços importantes que vão nos ajudar muito – analisou Alberto Valentim.

Fonte: Terra