Apesar de ter caído quase pela metade em dois anos, o valor dos times brasileiros ainda é o maior entre as equipes que participam da Copa Libertadores de 2014. A lista é encabeçada por Cruzeiro e Atlético-MG, de acordo com estudo divulgado nesta terça-feira pela empresa de consultoria Pluri.

O valor somado dos seis representantes do Brasil no torneio em 2012 era de R$ 1,63 bilhão, caiu para R$ 1,5 bilhão no ano passado e agora é de R$ 951 milhões.

A equipe celeste, atual campeã nacional, está no topo da lista entre os 40 clubes que estarão no torneio, avaliada em R$ 230,1 milhões. O segundo lugar é do maior rival do Cruzeiro, o Atlético, cujos jogadores têm um valor de mercado somado de R$ 75,3 milhões.

Em 2013, os seis primeiros colocados desse ranking eram brasileiros. Neste ano, porém, a terceira posição é do Vélez Sarsfield, com elenco avaliado em R$ 149,4 milhões, R$ 700 mil mais caro que o do Flamengo, que aparece em quarto.

Quinto colocado no ranking de 2013, o Grêmio caiu uma posição em 2014, com elenco cujo valor de mercado somado é de R$ 144,4 milhões, atrás também do San Lorenzo (R$ 145,7 milhões). Os outros brasileiros no torneio são Botafogo (R$ 143,4 milhões), em sétimo lugar, e Atlético-PR (R$ 143,4 milhões), 14º.

Para determinar o valor de mercado de cada jogador, a Pluri não usa o valor da contratação ou da cláusula de rescisão, mas sim um software próprio que leva em conta 61 critérios específicos, entre eles idade, criatividade, regularidade, força física, capacidade de definição de um jogo, aspectos táticos, disciplina, espírito de equipe, nível dos campeonatos que disputa, condição clínica, títulos conquistados, convocações para a seleção e capacidade de retorno financeiro para seu clube.

VEJA ABAIXO A LISTA COMPLETA:

Reprodução

Reprodução

Fonte: ESPN.com.br