A provocação de Vinicius Junior ao comemorar um gol na final do primeiro turno do Campeonato Carioca, em fevereiro, continua rendendo e chegou até um esporte de pouca tradição no Brasil: o futebol americano. A final do Estadual, entre Vasco e Flamengo, estava marcada para o Engenhão, no próximo fim de semana, mas o Botafogo voltou atrás e vetou que o estádio seja utilizado em uma partida entre seus dois rivais.

De acordo com a Federação de Futebol Americano do Rio de Janeiro (FEFARJ), o secretário estadual de esportes do Rio, Thiago Pamplona, esteve presente no evento de lançamento do torneio, em abril, quando garantiu publicamente que o Engenhão estava disponível para o jogo final. “A federação, juntamente com as equipes que disputarão a final, foram inclusive recebidas no estádio, para uma visita técnica”, contou a entidade, em nota.

Durante essa visita técnica, o Botafogo proibiu que os representantes dos dois finalistas, Flamengo Imperadores e Vasco Patriotas, continuassem vestindo camisas polos que identificassem os rivais. A solução foi realizar a visita com a camisa virada ao avesso.

O clássico foi anunciado para acontecer no próximo domingo, mas na última sexta-feira, segundo a FEFARJ, o Botafogo recuou. “O clube responsável por administrar o estádio, o Botafogo, não estava de acordo com a realização do evento, por se tratar de cessão do mesmo para times rivais, considerando o desgaste ao gramado que o futebol americano pode causar e a total ocupação do estádio, com treinos da equipe de futebol”, diz a nota da federação.

Ainda segundo a FEFARJ, ao longo do feriado a secretaria estadual, responsável pela organização da partida, tentou intermediar a negociação. Mas, na segunda-feira, ainda em meio às reuniões, o Botafogo publicou uma nota em seu site encerrando qualquer diálogo. “O Botafogo esclarece que, ao contrário do que está sendo noticiado, a final do Campeonato Carioca de Futebol Americano, marcada para o dia 10 de junho, não será realizada no Estádio Nilton Santos”, diz a breve nota.

Pelo que apurou o Olhar Olímpico, o Botafogo, que joga pelo Brasileirão fora de casa no domingo, não receberia nada para alugar o estádio para a final do futebol americano. A cessão do estádio ocorreria por meio da secretaria estadual, em um pacote que envolve outras negociações entre Botafogo e governo.

Seis clubes participaram do Campeonato Carioca, sendo dois “de camisa”: Vasco e Flamengo. Os dois rivais inclusive se enfrentaram na terceira e última rodada da fase de classificação e o duelo aconteceu no Estádio de Caio Martins, em Niterói. Agora, ambos procuram um palco para a decisão de domingo.

Fonte: Olhar Olímpico - UOL