Botafogo é condenado na Justiça a pagar R$ 100 mil a volante Gustavo Bochecha

31 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Gustavo Bochecha foi negociado pelo Botafogo com o Juventude
Vítor Silva/Botafogo

O Botafogo foi condenado pela Justiça do Trabalho a pagar R$ 100 mil ao volante Gustavo Bochecha, que deixou o clube em 2020 e atualmente está no Coritiba. A informação é do jornalista Matheus Mandy.

O valor é referente a dívidas trabalhistas: salário de maio de 2020, duas férias vencidas, FGTS, multas previstas na CLT e honorários advocatícios. A decisão ainda cabe recurso ao Botafogo.

Revelado na base alvinegra, Gustavo Bochecha deixou o Botafogo em 2020 para o Juventude, após 54 jogos e um gol marcado pelos profissionais. Ele está emprestado pelo clube de Caxias do Sul ao Coritiba até o fim da Série B.

Fonte: Redação FogãoNET e Twitter do jornalista Matheus Mandy

Notícias relacionadas