Botafogo pede desculpas formais à auxiliar Katiuscia Mendonça após ofensas machistas de parte da torcida

242 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Presidente do Botafogo, Durcesio Mello entrega carta de desculpas à auxiliar Katiuscia Mendonça
Twitter/Botafogo

Ao término do jogo diante do Brusque nesta quarta-feira, o Botafogo pediu desculpas formais através de uma carta à auxiliar Katiuscia Mendonça, vítima de xingamentos machistas de parte da torcida durante o primeiro tempo no Estádio Nilton Santos.

A bandeirinha acabou atraindo os holofotes ao anular dois gols – um de forma acertada e outro de maneira equivocada, sendo corrigida pelo VAR. Alguns gritos de “piranha” foram ouvidos nas arquibancadas. Quando anulou um gol do Brusque, no segundo tempo, ela ouviu alguns gritos de “princesa”.

A carta de desculpas foi entregue e assinada pelo presidente Durcesio Mello, ainda no gramado. Veja o conteúdo:

“Katiuscia,

O Botafogo acredita no seu trabalho e defende a equidade de gênero.

Hoje, na partida, presenciamos episódios que não condizem com o propósito da instituição, com o que pregamos e defendemos. Estes não representam os nossos milhões de torcedores.

Receba nosso carinho e pedido de desculpas. Continue o seu trabalho e conte com o Botafogo para o que precisar.

Um abraço,

Durcesio Mello
Presidente
Botafogo de Futebol e Regatas

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas