Botafogo não deseja inversão de mando com Flamengo, mas acatará decisão que CBF tomar; clube não aceitará divisão de público

64 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Reparação no gramado do Maracanã no primeiro trimestre de 2022
Reprodução/TV Globo

A polêmica possibilidade de inversão de mando de campo no clássico entre Botafogo e Flamengo segue repercutindo. De acordo com o jornalista Venê Casagrande, do SBT, o clube alvinegro não deseja a mudança, mas acatará a decisão da CBF.

Caso a CBF opte pela inversão de mando – o que é pouco provável -, o Botafogo não vai aceitar divisão de público no Estádio Nilton Santos e manterá 90-10.

Flamengo x Botafogo seria realizado no dia 8 de maio no Maracanã, mas o gramado passará por novo plantio, e o clube rubro-negro não tem estádio para jogar. Assim, pediu ao Alvinegro a inversão de mando, com este clássico no Nilton Santos e o do segundo turno do Campeonato Brasileiro, em agosto, no Maracanã.

Fonte: Redação FogãoNET e Twitter do Venê Casagrande (O Dia)

Notícias relacionadas