Diego Souza entra com ação na Justiça cobrando R$ 3,5 milhões do Botafogo

89 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Diego Souza em Atlético-MG x Botafogo | Campeonato Brasileiro 2019
Vítor Silva/Botafogo

O atacante Diego Souza, atualmente no Grêmio, entrou com uma ação na Justiça do Trabalho cobrando R$ 3.586.949,14 do Botafogo sobre direitos não recebidos durante e após a sua passagem pelo clube em 2019. A informação é do Blog do Ancelmo, do “O Globo”.

Quase metade deste valor (R$ 1.897.563,17) refere-se à divida pela rescisão. No acordo para encerrar o contrato, que previa renovação automática até dezembro de 2021, o Botafogo aceitou pagar R$ 3,6 milhões a Diego Souza a título de “cláusula compensatória”.

Segundo a reportagem, esses R$ 3,6 milhões eriam pagos pelo Botafogo em parcelas mensais de R$ 100 mil, de abril de 2020 até março de 2023. A defesa de Diego Souza diz que nenhuma mensalidade foi depositada em sua conta.

O restante da ação diz respeito a dois meses de salários atrasados (novembro e dezembro de 2019), além de 13º salário e multas.

Fonte: Redação FogãoNET e Blog do Ancelmo (O Globo)

Notícias relacionadas