Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

E-sports: Botafogo anuncia entrada no competitivo de Free Fire para a Série B

9 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Botafogo no Free Fire
Divulgação/Botafogo

A divisão de e-sports do Botafogo anunciou que irá investir no cenário competitivo de Free Fire. O alvinegro, que é gerenciado pela empresa Bird, contará com um elenco (ainda não definido) para a disputa da Série B da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF).

Em comunicado enviado à imprensa, o Botafogo afirma que a chegada ao Free Fire atende “o apelo de milhares de alvinegros”, e por isso, o clube desenvolveu o projeto “com planejamento estratégico, para que se torne uma potência no ecossistema”. A escolha do elenco que irá representar o clube acontecerá em julho, e a ideia é selecionar algum dos 12 times finalistas da Série C para vestir o manto alvinegro.

Esta será a terceira modalidade na qual o Botafogo estará presente no cenário competitivo de esports. Recentemente, a organização anunciou sua entrada no VALORANT, com elenco liderado por Lucas “poti” Alex que irá disputar a Etapa 3 do VALORANT Champions Tour, em busca da vaga no Masters Berlim.

“A entrada no Free Fire traz expectativas para o crescimento do Botafogo Esports, fortalecendo nossa frente no cenário com resultados expressivos em todo o ecossistema. Como a Bird é também uma empresa especializada em criar conteúdos, a entrada na modalidade promete fomentar ainda mais o engajamento não só com a torcida botafoguense, mas também em projetos com marcas endêmicas e não endêmicas que já entendem que o esports é o novo esporte. Nossa gestão desenvolveu uma estratégia minuciosa para a contratação do time oficial, que visa alta performance, disciplina e visibilidade dos nossos jogadores. Estamos confiantes que faremos a diferença”, contou Vanessa Oliveira, CEO da Bird.

O Botafogo agora se junta a uma grande lista de clubes de futebol que estão investindo no Free Fire. Nomes como Corinthians – campeão brasileiro e mundial em 2019 –, Santos, Cruzeiro, Flamengo e outros também possuem elencos na modalidade.

Fonte: The Clutch

Notícias relacionadas
Comentários