Textor chama de ‘história maluca’ notícias sobre Jorge Braga e Thairo Arruda no Botafogo: ‘Dois bons homens com funções muito diferentes’

187 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Textor chama de ‘história maluca’ notícias sobre Jorge Braga e Thairo Arruda no Botafogo: ‘Dois bons homens com funções muito diferentes’
Reprodução/Globo

Após o que parecia ser um princípio de rusga nos bastidores do Botafogo, John Textor foi às redes sociais nesta sexta-feira (1/7) e minimizou a situação envolvendo o CEO Jorge Braga e o diretor da SAF Thairo Arruda. O acionista majoritário do Glorioso chamou a situação de “história maluca” e reforçou o foco na contratação de jogadores e na solução dos problemas do futebol.

Dois dias ausente do Twitter e vejo jornalistas que cobrem Botafogo girando uma história maluca sobre dois bons homens, Thairo Arruda e Jorge Braga, que têm funções muito diferentes na SAF. Sei que nossos coproprietários (como ele se refere aos torcedores) preferem que eu me concentre no futebol e na janela de transferências, ao invés de perseguir fantasmas nas redes sociais“, escreveu.

A situação começou nesta quinta-feira, quando a Federação do Rio tornou público um documento, assinado por Thairo Arruda, em que o Botafogo retirava de Jorge Braga o poder de representar o clube junto à entidade. Posteriormente, o CEO disse ter sido pego de surpresa, deixando claro que não havia sido comunicado da decisão.

Segundo apuração do Blog do Bernardo Gentile, do FogãoNET, o Botafogo tomou a decisão pelo fato de Jorge Braga seguir morando em São Paulo, com a distância sendo um problema para manter as relações com Ferj e CBF. Thairo Arruda, por enquanto, passa a ser o único representante da SAF alvinegra junto à Federação.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas