Por que benefício ao Flamengo? Ferj deveria adiar Botafogo x Fluminense

48 comentários

Blog da Redação

Blog da Redação

Compartilhe

Toten Ferj - Botafogo x Resende - Campeonato Carioca 2021
Reprodução/CariocãoTV

Comparem as duas situações. O Flamengo jogou domingo às 11h contra o Palmeiras, em Brasília, e tinha clássico marcado contra o Vasco, quarta-feira às 21h30. O Botafogo atuará quarta às 21h30 contra o ABC, em Natal, e enfrentará o Fluminense sábado às 16h, no Maracanã. O que fez a Ferj? Adiou apenas Flamengo x Vasco, para quinta.

Por que o Flamengo não pode jogar domingo e quarta, prática comum há décadas no futebol brasileiro? O clube pediu o adiamento do jogo e a Ferj prontamente atendeu, afetando mais uma vez o equilíbrio do Campeonato Carioca. Eram mais de 80 horas de distância entre uma partida e outra.

Já o Botafogo terá apenas 67 horas de diferença entre um jogo e outro, sendo o de quarta-feira decisivo pela Copa do Brasil em Natal (mais distante que Brasília) e já tendo que jogar no calor de sábado à tarde o clássico contra o Fluminense.

Quem saiu irritado da história foi o Vasco, que se pronunciou em nota oficial e reclamou de benefício ao Flamengo.

“O CLUB DE REGATAS VASCO DA GAMA repudia a repentina mudança da data de seu jogo contra o Flamengo, decisão tomada, à toda evidência, para favorecer um dos times envolvidos no confronto, e sem que houvesse qualquer consulta ao Vasco da Gama. Para agravar a situação, na manhã desta segunda (12), por volta das 11h36, o Clube recebeu um e-mail com a tabela atualizada da competição anexada, sem nenhuma alteração da data do jogo em questão. Logo após esse comunicado, outra confirmação: foi realizada uma reunião virtual, com participação da FFERJ e de representantes dos dois clubes (Vasco e Flamengo), para definir todo o Plano de Ação e Contingência da partida.

Inexiste qualquer motivo legítimo que justifique a mudança de data às vésperas do confronto, visto que é usual a programação de jogos aos domingos e quartas-feiras. Ressalta-se que o regulamento da competição, em seu art. 23, elenca as causas para alteração de horário de qualquer jogo à compatibilização e adequação à programação das detentoras dos direitos de transmissão, desde que expressamente solicitado por estas, ou ainda casos fortuitos ou de força maior.

Por certo, não se trata de nenhuma destas situações, mas tão somente, a uma arbitrariedade da FFERJ atuando de forma não igualitária perante seus filiados.

Ressalta-se que valorizando o Campeonato Carioca, o Departamento de Futebol, o Departamento de Saúde e Performance e a Comissão Técnica elaboraram um planejamento para o Clássico dos Milhões, que incluiu o retorno imediato de Tombos (MG) logo após o compromisso pela segunda fase da Copa do Brasil. A estratégia contou ainda com a ausência de folga mesmo após uma viagem desgastante e treinamentos diários no CT do Almirante, na Cidade de Deus, inclusive no sábado e no domingo.

O Vasco da Gama lamenta a equivocada decisão da federação que acaba com o equilíbrio entre todos os seus filiados e a própria credibilidade da competição que organiza.”

Será que o Botafogo vai se posicionar?

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas