A molambada, como é conhecida carinhosamente a torcida do Flamengo, até hoje chora um suposto empurrão de Maurício em Leonardo no gol do título estadual do Botafogo em 1989. Todavia, a jogada não é considerada falta nem mesmo por ex-jogadores.

Nesta sexta-feira, durante o programa “Seleção SporTV”, os ex-atletas Petkovic e Roger reviram o lance e disseram que nem o VAR marcaria falta. A única opinião diferente foi de Paulo Nunes, à época jogador do juvenil do Flamengo que assistiu ao vice-campeonato na arquibancada do Maracanã.

– Com certeza o VAR daria falta – exclamou Paulo Nunes.

– Onde você viu falta? Segue o jogo. Que falta que nada! – discordou Petkovic.

– A orientação do VAR é a seguinte: ver o lance em velocidade normal. E em velocidade normal não é nada. Aí para, faz vai e volta, VAR fazendo boomerang (recurso do Instagram), eu nunca vi isso – brincou Roger.