A vitória do Botafogo sobre o Flamengo por 2 a 1 neste sábado, no Estádio Nilton Santos, pelo Campeonato Brasileiro, rendeu boas e provocativas manchetes na imprensa carioca. Tanto o “Lance!” quanto o jornal “O Dia” aproveitaram para zombar do Rubro-Negro.

O “Lance!” manchetou em sua capa “Cheirinho de salvação!”, enquanto “O Dia” estampo em seu caderno de esportes “Cheirinho de primeira”. É referência ao termo muito utilizado pelos torcedores do Flamengo no ano passado quando falavam da expectativa pelo título, que não se concretizou até então. Além, claro, do fato de o Botafogo ter se afastado da zona de rebaixamento.

O sempre provocativo “Meia Hora“, como não podia deixar de ser, deu a principal manchete para a tragédia em Niterói que deixou 14 mortos por conta das chuvas. Mas, num pequeno espaço na capa, publicou foto de Leo Valecia fazendo um gesto de arma e escreveu: “Bota apaga o fogo do Flamengo”.

‘O Globo’ destoa

Por outro lado, o jornal “O Globo” acabou destoando e, na sua capa, falou somente da lamentável morte de um torcedor do Flamengo numa briga entre torcidas na Ilha do Governador antes do clássico. Apenas na última frase fez menção ao resultado do jogo.

No ano passado, como lembrou o blogueiro Thiago Pinheiro em seu Twitter, o mesmo jornal destacou a vitória do Flamengo no clássico contra o Botafogo pelo Campeonato Carioca mesmo com a morte de um torcedor do Botafogo em briga no entorno do Estádio Nilton Santos.