Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Série B

13/06/21 às 16:00 - Raulino de Oliveira

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Remo
REM

Série B

05/06/21 às 21:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

2

X

0

Escudo Coritiba
CTB

Série B

28/05/21 às 21:30 - OBA

Escudo Vila Nova
VLN

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Pitacos: Botafogo vira fábrica de zagueiros; Chamusca enfim muda; volta, Globo

42 comentários

Blog da Redação

Blog da Redação

Compartilhe

Sousa recebe placa de Kanu no Botafogo
Twitter/Botafogo

* Na suada vitória por 1 a 0 sobre o Nova Iguaçu, pela semifinal da Taça Rio, enfim Marcelo Chamusca deu o braço a torcer e fez mudanças no Botafogo. Finalmente deixou de ter dois meias como pontas, optando por Ronald de início no lugar de Felipe Ferreira, e sacou Rickson e Jonathan, para as entradas de Romildo e Warley.

* Em que pese os substitutos não terem ido tão bem, ao menos as ideias foram boas. Na teoria: Warley no lugar de Jonathan por ser mais ofensivo e ter velocidade; Romildo para dar mais controle de bola e finalizações de longe; Ronald por ser mais incisivo, atacar e buscar o fundo. Na prática: Warley foi mal (melhor manter Jonathan), Romildo jogou o básico (nível parecido ao de Rickson) e Ronald deu esperança no início e caiu de produção (mas é mais útil que Felipe Ferreira)

* Mudou também que Marcinho não foi a primeira opção de banco de reservas. Rafael Navarro entrou antes. Marcinho acabou expulso de forma infantil com dois cartões de amarelos em menos de dez minutos. Felipe Ferreira nem foi acionado.

* Por mais que Marcinho esteja muito mal no Botafogo, nada justifica as ameaças à família nas redes sociais. As críticas devem ser direcionadas ao jogador dentro de campo, não à pessoa. E deve se reclamar, sobretudo, de quem contratou.

* Quem merece mais tempo em campo é Ênio. É quem mais tenta jogadas ofensivas, vai na direção do gol, busca dribles, assistências e chutes.

* O Botafogo virou uma fábrica de zagueiros nos últimos anos. Dória, Igor Rabello, Emerson Santos, Marcelo Benevenuto, Kanu, Sousa e até os jovens Glauber e Pimenta, que foram vendidos antes de jogar no profissional. Foi contra ataques frágeis, mas Kanu e Sousa se firmaram como dupla nos últimos jogos e merecem sequência.

* Muitos criticavam a Globo, mas o atual Campeonato Carioca mostra que sem ela é ainda pior. Botafogo, Fluminense e Vasco saíram de um contrato de R$ 18 milhões e vão receber menos de R$ 5 milhões este ano, somando Record e pay-per-view. Isso sendo menos exibidos, dificultando a chegada de patrocinadores, com plataformas que apresentam falhas e travamentos na internet e o risco de nem haver a premiação da competição. Só quem “se deu bem” nessa foi o Flamengo, que saiu do zero (estava sem contrato) para cerca de R$ 9 milhões. E ainda assim vai ficar longe dos R$ 18 milhões, que eram garantidos anualmente até 2024. Que fiasco.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas
Comentários