Botafogo vê Benevenuto como moeda de troca e não trabalha com volta

126 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Marcelo Benevenuto | Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Marcelo Benevenuto não faz parte dos planos do Botafogo para 2022. O zagueiro encontrou seu caminho no Fortaleza e voltou a render um bom futebol. Assim se tornou uma moeda de troca interessante para o Glorioso na ideia de montar o elenco para a próxima temporada.

O Fortaleza tem que pagar 2 milhões de euros (mais de R$ 12 milhões) para ficar com o jogador. A multa está em 15 milhões de euros (mais de R$ 90 milhões). O Glorioso não tem esperanças em receber o valor do clube cearense e não pretende reduzir a quantia.

O Botafogo também não acredita que alguém pague o valor da multa. Mas sabe que Marcelo Benevenuto se valorizou. Assim, a ideia é usar o dinheiro da negociação para comprar alguns jogadores, como os direitos de Marco Antônio.

São Paulo se interessou por Marcelo Benevenuto

Marcelo Benevenuto está emprestado pelo Botafogo ao Fortaleza até o fim de 2021
Marcelo Benevenuto está emprestado pelo Botafogo ao Fortaleza até o fim de 2021 (Foto: Arquivo pessoal)

Banner black november loja FogãoNET/Estilo Piti

Outra possibilidade é usar Marcelo Benevenuto como moeda de troca. O São Paulo quer o jogador. Mas é certo que o Glorioso não vai aceitar qualquer valor e muito menos qualquer jogador pelo defensor. O Tricolor paulista tentou isso com Kanu e deu com a cara na porta.

O certo é que o Botafogo não quer Marcelo Benevenuto pois entende que ele pode render mais fora do Rio de Janeiro. Assim o jogador vai mesmo virar uma importante moeda de troca em um mercado cada vez mais escasso.

Notícias relacionadas